Advertencia sobre el Uso de Cookies: Coca Cola European Partners Iberia utiliza cookies propias y de terceros, necesarias, de rendimiento y dirigidas, para garantizar la navegación por el sitio web así como analizar el uso que realiza del mismo y realizar perfiles basados en sus hábitos de navegación. Política de Cookies.


ACEPTAR TODAS LAS COOKIES    CONFIGURAR LAS COOKIES

Está em Ao dia Noticias O que é a pegada ecológica e como a estamos a reduzir?

NOTICIAS

Mantém-te actualizado
sobre as nossas noticias.

O que é a pegada ecológica e como a estamos a reduzir?



18 de Setembro de 2018 | Meio ambiente

A Coca-Cola reduziu as suas emissões poluentes em mais de um terço em sete anos.

Registar a pegada ecológica permite quantificar as emissões de gases com efeito de estufa e é essencial na luta contra as alterações climáticas, porque aumenta a consciencialização sobre o impacto da atividade humana no aquecimento global.

Ciente dessa importância, a Coca-Cola European Partners incluiu pela primeira vez informações sobre as suas emissões poluentes no Relatório Anual e de Contas. "Assumimos o nosso papel nos esforços globais para levar a cabo o Acordo de Paris sobre as Alterações Climáticas de 2015", garante Elena Fernández Santos, Diretora de Qualidade e Meio Ambiente daquela marca de bebidas.

Um dos pilares da nossa estratégia de sustentabilidade para a Europa Ocidental é o compromisso com o clima: até 2025 pretendemos reduzir as emissões de gases com efeito de estufa nas nossas operações em 50% e em 35% em toda a nossa cadeia de valor. Também prevemos continuar a utilizar energia 100% renovável”, acrescenta.

Entre 2010 e 2017, a Coca-Cola European Partners reduziu a pegada ecológica das suas operações em 38% devido ao aumento da eficiência energética nos processos de produção. "Para reduzir ainda mais o consumo de energia, estamos a investir na inovação dos processos e em novas tecnologias", explica Elena Fernández Santos.

Nas unidades de produção da Coca-Cola, a economia energética está  a ser melhorada através da substituição dos equipamentos de produção de embalagens PET, da instalação de máquinas de refrigeração mais eficientes e da substituição da iluminação por tecnologia LED. Dado que o transporte representa a segunda maior percentagem da emissão de poluentes da Coca-Cola, a empresa está a investir na sua própria frota para melhorar a eficiência energética dos veículos.

← Voltar à lista de noticias

NOTICIAS DESTACADAS

Fevereiro, 15 Resultados de 2018

A Coca-Cola European Partners comunica quinto trimestre consecutivo de crescimento e anuncia intenção de ser cotada na Bolsa de Valores de Londres

Más Info

Março, 18 Nasceu a CCEP Ventures, um programa de investimento na inovação, por Víctor Rufart

Através deste novo programa, pretendemos investir em empresas em expansão que desenvolvam tecnologias, produtos ou modelos de negócios fora da caixa

Más Info

Fevereiro, 20 Lisboa acolhe primeiro workshop em Portugal do projeto 'Bora Mulheres

Formação profissional e empreendedorismo feminino, em colaboração com a Impact Hub

Más Info